A Escola do Paraíso



Jos Rodrigues Migu Is Recorda A Sua Primeira Inf Ncia Num Dos Melhores Romances Portugueses A Cidade Do Princ Pio Do S Culo, Os Primeiros Autom Veis, A Cidade Iluminada A G S, Dos Teatros Do Pr Ncipe Real, Do Animat Grafo, A Cidade Que Acabava Na Rotunda, Para L Os Campos De Corridas Ao Campo Grande.Os H Bitos, A Carbon Ria, A Aristocracia Decadente, O Regic Dio E A Proclama O Da I Rep Blica As Profiss Es, Os Portugueses E Galegos Que Chegavam Capital Tudo Contado Magistralmente Pelos Olhos De Um Menino Que Cresceu A Ver O Brilho Do Sol Das Sacadas Pombalinas Viradas Ao Tejo Menino Que Reteve Minuciosamente A Mem Ria Das Cores, Dos Cheiros, Das Gentes E De Tudo Quanto Foi Sendo, Intensamente, O Seu Mundo.A Escola do Paraíso

JOS RODRIGUES MIGU IS nasceu em Lisboa, a 9 de Dezembro de 1901 Formou se na Faculdade de Direito de Lisboa 1924 e foi um dos fundadores da revista Seara Nova 1922 Advogou, foi professor do ensino secund rio, presidente da Segunda Liga da Mocidade Republicana e co director do jornal O Globo Licenciou se em Ci ncias Pedag gicas na Universidade de Bruxelas 1933 e fixou resid ncia nos EUA

[[ BOOKS ]] ✮ A Escola do Paraíso Author José Rodrigues Miguéis – E17streets4all.co.uk
  • Paperback
  • 400 pages
  • A Escola do Paraíso
  • José Rodrigues Miguéis
  • Portuguese
  • 24 June 2017
  • 9789723307979

10 thoughts on “A Escola do Paraíso

  1. says:

    Um retrato da cidade de Lisboa no in cio do s culo XX e a evoca o de um per odo da Hist ria que abarca os ltimos tempos da monarquia, o regic dio e a Implanta o da Rep blica, apresentados sob o olhar de uma crian a Muito provavelmente uma evoca o da inf ncia do autor S o v rias hist rias que se sucedem e encadeiam para formar o romance Escrita detalhista mas fluida, transparente e sem floreados estil sticos mas requintada e graciosa, Adorei ler este livro e para mim incompreens vel que este autor esteja t o esquecidoMea culpa de s agora ter lido uma obra sua Tenho de agradecer ao clube de leitura ter me impelido para a sua descoberta Sim, ia fugir mas n o sabia de qu Talvez deste mundo atormentado, da morte que espreitava a cada canto, ou da vida, que come a no sangue e acaba em sangue E para onde ia N o tinha para onde ir O para so a idade de ouro, o sonho nada disso existia fora dele Estava dentro da vida e n o...

  2. says:

    1 de Fevereiro de 1908, 23 de Abril de 1909 e 5 de Outubro de 1910 s o tr s datas de acontecimentos hist ricos ocorridos em Portugal durante a inf ncia de Gabriel, um menino que vive em Lisboa com os pais e dois irm os O narrador, omnisciente, mostra nos o mundo na vis o de uma crian a e simultaneamente...

  3. says:

    Muito bom este livro N o um livro cativante no sentido de dar vontade de ler tudo de seguida Mas um livro extraordinariamente bem escrito direi isto de todos os livros do Jos Rodrigues Migu is E o livro est bem escrito no sentido de ter um vocabul rio muito bem aplicado, e bonito pois as palavras s o muito bem escolhidas, e reflectir bem a densidade psicol gica da personagem principal, um rapaz desde o nascimento at aos 10 anos, altura em que se d o 5 de Outubro 1910 , isto n o um spoiler porque bastante irrelevante para a hist ria Uma das maiores falhas do livro n o haver propriamente uma hist ria, h um fio condutor que a vida de uma fam lia pobre e a evolu o psicol gica do terceiro, e ltimo, filho com uma rela o muito pr xima com a m e Cada cap tulo conta hist rias largamente desligadas entre si tirando sere...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *